03/03/17 - Itaperuna Notícias

Últimas

Post Top Ad

sexta-feira, março 03, 2017

Em reunião com professor Godoi, padre garante empenho total para Corrida de São José

sexta-feira, março 03, 2017
Em uma reunião realizada com o professor Godoi na Igreja Matriz São José do Avahy, na noite de quinta-feira (02), padre Luiz Carlos Reis de Amorim assumiu compromisso de empenho total para um sucesso ainda maior da Corrida e Caminhada de São José.

Como demonstração total de aprovação, o pároco garantiu com antecedência que, no dia da prova (19/03), não haverá missa das 9h, tornado possível a participação do padre e fiéis na corrida e caminhada.

Há menos de um mês na liderança da Igreja Matriz, padre Luiz terá a primeira oportunidade de prestigiar e competir. O sacerdote, que tem costume de andar de bicicleta, incentiva os (as) seguidores (as) nas práticas esportivas.

- O esporte é muito importante. Tira o jovem das coisas ruins do mundo. Portanto, o esporte faz bem a saúde. Devemos ter uma atenção especial para nossa saúde física. A fraternidade no Dia de São José, nosso padroeiro, é importantíssima – considera.

Em uma fórmula que continua dando certo, professor Godoi, busca, insistentemente, o maior número possível de padres e freiras nas provas. O organizador do evento afirma que a parceria com a instituição (Igreja Católica) é extremamente importante, assim como outras religiões.

- O religioso não quer fica apenas dentro do templo, do convento ou seminário. O religioso quer ir para rua, evangelizar, demostrar que devemos ter bons hábitos. Essa energia passada pelo padre Luiz me deu alegria em dobro. Independente da religião de cada um, todos nós somos irmãos em Cristo. Tenho certeza que teremos uma prova diferenciada depois de receber essa energia positiva – avaliou Godoi.

Inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para quarta Corrida e Caminhada de São José. Os interessados (as) devem comparecer em horário comercial na secretaria da Paróquia São José do Avahy ou pelo email esportivaregional@gmail.com. O evento é limitado para 500 participantes.

Como de costume, a corrida e caminhada será realizada no dia 19 de março (domingo), dia do padroeiro de Itaperuna, São José. No percurso de cinco quilômetros, os (as) atletas largam na Praça Nilo Peçanha (Praça dos Camelôs), fazem o retorno pela antiga prefeitura, segue em direção à Fiat e, por fim, se deslocam a linha de chegada, o mesmo do ponto de partida, Praça Nilo Peçanha.
SAIBA MAIS >

Sambódromo está pronto para o desfile das escolas de samba campeãs

sexta-feira, março 03, 2017
As seis primeiras colocadas do Grupo Especial retornam à Passarela do Samba, neste sábado (04/03), para mais uma apresentação de gala. As agremiações vão se apresentar, a partir das 22h, pela ordem inversa da colocação no desfile. A Beija-Flor será a primeira a desfilar, seguida pela Acadêmicos do Grande Rio, Mangueira e Acadêmicos do Salgueiro. A vice-campeã, Mocidade Independente de Padre Miguel, deve entrar na Avenida entre 2h20m e 3h. A previsão é que a campeã Portela inicie sua apresentação entre 3h25m e 4h15m.

Os ingressos podem ser adquiridos, das 10h às 16h, em um guichê localizado atrás do Setor 11 do Sambódromo. A venda é limitada a quatro ingressos por CPF e o pagamento deve ser feito em dinheiro.

Também há venda de entradas para as frisas, que ficam junto à pista. Os valores variam entre R$ 2.900 e R$ 4 mil. Os interessados devem comprar as entradas ainda nesta sexta-feira (03), das 10h às 16h, na Rua da Alfândega, 25, Centro.

Fonte: Prefeitura do Rio
SAIBA MAIS >

Ministério da Saúde anuncia ampliação de público alvo para seis vacinas

sexta-feira, março 03, 2017
Marcelo Camargo/Agência Brasil
O Ministério da Saúde anunciou hoje (3) a ampliação do público-alvo para seis doses que integram o Calendário Nacional de Vacinação - tríplice viral, tetra viral, dTpa adulto, HPV, meningocócica C e hepatite A.

As mudanças, segundo a pasta, têm como objetivo aumentar a proteção de crianças, garantindo elevada cobertura vacinal, além de ampliar a imunidade de adolescentes e diminuir a circulação de doenças na população.

"Não adianta a vacina estar disponível no posto de saúde. É necessário que pelo menos 95% das crianças do município recebam a dose", destacou a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações, Carla Domingues.

Entre os adultos, a meta é manter a eliminação do sarampo e da rubéola e diminuir o número de casos de caxumba e coqueluche.

Confira como fica a aplicação das seis vacinas após as alterações:

- Hepatite A: passa a ser disponibilizada para crianças até 5 anos. Antes, a idade máxima era 2 anos. A vacina, segundo o ministério, é considerada altamente eficaz, com taxas de soroconversão de 94% a 100%.

- tetra viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela): este ano, para crianças, há ampliação da oferta da dose, que passa a ser administrada de 15 meses até 4 anos. Antes, a aplicação era feita entre 15 meses e menores de 2 anos. A recomendação é uma primeira dose da tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) aos 12 meses e uma segunda dose a tetra viral aos 15 meses.

- HPV: a partir de 2017, será ofertada também para meninos. Desde 2014, a dose é oferecida a meninas de 9 a 13 anos. No próximo ano, público alvo vai incluir ainda meninas de 14 anos. Este ano, além dos meninos, a vacina será oferecida a homens que vivem com HIV e aids entre 9 e 26 anos e para imunodeprimidos, como transplantados e pacientes oncológicos.

- meningocócica C: passa a ser disponibilizada para adolescentes de 12 e 13 anos. A faixa etária será ampliada gradativamente até 2020, quando serão incluídos crianças e adolescentes de 9 a 13 anos. O esquema vacinal será de um reforço ou uma dose única, conforme situação vacinal.

- dTpa adulto (difteria, tétano e coqueluche): passa a ser recomendada para as gestantes a partir da 20ª semana. As mulheres que perderam a oportunidade de se vacinar durante a gravidez devem receber a dose durante o puerpério (até 40 dias após o parto). A medida busca garantir que os bebês já nasçam protegidos contra a coqueluche por conta de anticorpos transferidos pela mãe ao feto frente a gestação.

- tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola): este ano, será introduzida a segunda dose da vacina para a população de 20 a 29 anos. Anteriormente, a segunda dose era aplicada apenas em pessoas com até 19 anos. A mudança leva em consideração surtos de caxumba registrados nos últimos anos no país, sobretudo entre adolescentes e adultos jovens. As duas doses passam a ser indicadas para pessoas de 12 meses a 29 anos. Para adultos de 30 a 49 anos, permanece a indicação de apenas uma dose.

Calendário

Atualmente, são ofertadas gratuitamente via Sistema Único de Saúde (SUS) 19 vacinas recomendaras pela Organização Mundial da Saúde. Por ano, são disponibilizadas na rede pública cerca de 300 milhões de doses de imunobiológicos que combatem mais de 20 doenças.

De acordo com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, a previsão de investimentos na área, em 2017, é da ordem de R$ 3,9 bilhões. "Com este calendário ampliado, além de incluir novas doses, estamos permitindo que elas sejam tomadas em um período maior. O objetivo é que um maior percentual da população esteja imunizada", disse.

Segundo ele, as alterações só foram possíveis em razão de uma economia de R$ 66,5 milhões obtida a partir da negociação de três vacinas: hepatite B, HPV e dTpa. Barros disse ainda que a eficiência de gestão também garantiu a compra de 11,5 milhões de doses extras da vacina contra a febre amarela.

Fonte: Paula Laboissière - Repórter da Agência Brasil
SAIBA MAIS >