03/12/10 - Itaperuna Notícias

Últimas

Post Top Ad

sexta-feira, março 12, 2010

Temporal assustou Itaperuna na noite de ontem

sexta-feira, março 12, 2010
Uma chuva forte que começou no início da noite desta quinta-feira (11/03) causou transtorno em vários pontos da cidade de Itaperuna. Houve alagamentos em diversas ruas deixando moradores e comerciantes em estado de atenção. Os bairros mais afetados com o temporal foram o Centro e o Cidade Nova. Vários comerciantes tiveram prejuízos e muitos usuários do serviço hospitalar do Hospital São José do Avai não conseguiram chegar ao local.

O temporal desabou na cidade de Itaperuna por volta das 21h00 acompanhado de fortes rajadas de ventos. No bairro Cidade Nova, próximo ao Terminal Rodoviário João Paulo II as ruas alagaram tão rapidamente que alguns comerciantes da área de confecção não conseguiram retirar as mercadorias. Quem estava no Terminal Rodoviário também passou por maus momentos, pois o deslocamento também ficou dificultado, visto que, as ruas adjacentes ficaram também inundadas.

No Centro da Cidade o local mais prejudicado foi a Rua Cel Luiz Ferraz, próximo ao Hospital São José do Avaí. Naquela área a inundação foi generalizada e também pegou de surpresa que usa os serviços daquele hospital, bem como para a emergência do Posto de Urgência da Prefeitura Municipal de Itaperuna.

“Eu tinha que ficar com a minha mãe que está internada para fazer uma cirurgia e não posso passar para substituir a minha irmã que ficou o dia todo lá. Vou esperar até a água abaixar”, disse a universitária Ana Claudia Fernandes Sodré, 25 anos.

O forte vento também provocou a interrupção da energia elétrica em vários pontos da cidade. O Corpo de Bombeiros no período foi solicitado para atender 4 chamadas, todas para corte de árvores que tombaram sobre a rede elétrica.

Por: Marcos Vinicio Dias Ribeiro

Fonte: Rádio Gospel FM
SAIBA MAIS >

Itaperuna se prepara para o Dia Mundial de Luta Contra Tuberculose

sexta-feira, março 12, 2010

A Secretaria Municipal de Saúde de Itaperuna, através do NICES (Núcleo da Informação, Comunicação, Educação em Saúde), realizou no dia 10 de março, uma palestra sobre tuberculose para os técnicos de enfermagem e enfermeiros das unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF) e da saúde mental do município.

Segundo o médico do programa Ronald Novaes, o Rio de Janeiro é o estado de maior incidência. “A palestra já é uma ação que visa à atualização dos profissionais da saúde municipal para atuarem mais capacitados no Dia Mundial de Luta Contra a Tuberculose, que acontece no próximo dia 24 de março”, disse.

Fonte: DECOM Itaperuna

SAIBA MAIS >

Secretaria de Agricultura de Itaperuna disponibiliza cana-de-açúcar para produtores

sexta-feira, março 12, 2010

A Secretaria de Agricultura de Itaperuna está disponibilizando cana-de-açúcar para os produtores rurais. No processo estão envolvidos todos os segmentos ligados ao agro-negócio do Estado do Rio, através de convênio entre CAPIL, SEBRAE, SENAR, FAERJ, Sindicato Rural de Itaperuna e a Secretaria Municipal de Agricultura, com o objetivo de atender à necessidade de alimentação animal, principalmente no período de estiagem (seca).

O secretário de Agricultura Décio Zampiér disse que “a Secretaria entende que para começarmos a ter uma evolução animal, tanto para produção de carne quanto de leite, precisamos ficar atentos à qualidade da alimentação desses animais”.

Pensando nisso, a Secretaria de Agricultura disponibiliza aos produtores rurais de Itaperuna, cana-de-açúcar para plantio. São adotados alguns critérios para recebimento dessa cana, o principal deles, é a conclusão de um curso de plantio e manejo de canavial, com o objetivo de o produtor obter o máximo de produtividade. Esse curso já está formando a oitava turma.

A cana oferecida é desenvolvida pela EMBRAPA. Com alto poder de produção de forragem, produz de 150 a 200 toneladas de cana por hectare. O plantio da cana foi feito pela Secretaria de Agricultura no “Viveiro de cana-de-açúcar de Itaperuna”, e o único trabalho que o produtor tem é cortar e plantar a cana.

O secretário ainda disse que os trabalhos de aração, gradagem, sulcagem de solo, transportes da cana, calcário e adubo, além da análise do solo e assistência técnica com engenheiro agrônomo são inteiramente gratuitos. Tudo isso é cedido pela Secretaria.

Essa iniciativa faz parte do programa “Fartura no Campo”, que busca aumentar a produtividade do homem do campo de maneira simples e bem planejada, sempre focando o gerenciamento das propriedades. Para que isso aconteça, a Secretaria de Agricultura disponibiliza técnicos e equipamentos para que o produtor rural possa ter todas as condições de trabalho.

Um dos objetivos do programa é incentivar a diversificação das atividades, como hortifrutigranjeiro, avicultura, piscicultura, suinocultura, apicultura e leite, o quê possibilita ao produtor alternativas para a multiplicação da renda. Outro aspecto importante do programa é a responsabilidade social, pois evitar o êxodo rural é uma das preocupações do programa.


Fonte: DECOM Itaperuna
SAIBA MAIS >

Funcionários da Ampla em Itaperuna recebem capacitação para combater a Dengue

sexta-feira, março 12, 2010
A Prefeitura de Itaperuna realizou no dia 09 de março uma palestra de capacitação para que os funcionários da Ampla instalados na cidade saibam combater a Dengue. O coordenador da Vigilância Ambiental em Saúde do município Aurélio Carneiro orientou mais de 20 funcionários que trabalham na área de manutenção da parte elétrica na zona rural.

De acordo com o coordenador, os funcionários capacitados serão multiplicadores de informações.
“A proposta é treinarmos estes funcionários que trabalham em contato com o público para prestarem orientações aos moradores e demais trabalhadores do local sobre a eliminação de criadores, que deve ser um hábito diário, com ações simples como limpar calhas e piscinas, guardar garrafas de cabeça para baixo, limpar a cada seis meses e vedar a caixa d’ água. Cobrir pneus e dispor corretamente o lixo, jogando-o em lugares apropriados”, explicou Aurélio.

Prevenção é o melhor remédio

Embora o período de maior proliferação do mosquito transmissor da doença tenha passado, a Vigilância Ambiental em Saúde da Secretaria de Saúde de Itaperuna alerta que o período ainda é preocupante. “Não devemos parar. Devido as alterações do tempo este trabalho segue intenso durante o ano inteiro e inclui uma série de medidas para eliminação de criadores, incluindo a visita dos agentes de campo em todas as residências da cidade com entrega de folhetos informativos, operação cata-bagulho (com o recolhimento de materiais não utilizados) e bloqueios de focos da doença”, explicou o coordenador.

A Vigilância Ambiental em Saúde intensifica o trabalho em pontos estratégicos da cidade com visitas, a cada 15 dias, em locais onde existe grande quantidade de água acumulada e possíveis criadouros, como cemitérios, borracharias e ferros-velhos. Em dias alternados, os agentes de saneamento, através do NICES, também se fixam em locais públicos como as escolas e unidades de saúde, esclarecendo dúvidas e distribuindo folhetos à população a respeito de prevenção e combate à Dengue.
Orientação nas escolas

Com o retorno às aulas a Secretaria de Saúde desenvolve atividades em salas de aula para que os alunos da rede municipal de ensino recebam informações sobre a Dengue. As escolas interessadas em receber orientações podem agendar palestras na Secretaria Municipal de Educação pelo telefone 3824-8775.

A população também pode denunciar a presença ou mesmo a suspeita de criadouros de larvas do mosquito transmissor da Dengue na Vigilância Ambiental em Saúde da Secretaria de Saúde pelos telefones: 3824-6293 ou 3824-2765.

Fonte: DECOM Itaperuna

SAIBA MAIS >